CAMPANHA PRESIDENCIAIS 2016

Falta pouco mais de um mês para, segundo as sondagens, os portugueses entronizarem Marcelo Rebelo de Sousa na cadeira da Presidência da República. Como já era previsível, sem uma candidatura forte a esquerda o caminho era fácil. Mas, tal como me diz o Rui: “O que mais chateia é que não se vê criatividade nenhuma no apelo ao voto. A mensagem é pobre da parte dos candidatos da esquerda, pelo que para Marcelo só basta aparecer, sem gastar dinheiro em material de comunicação”.

De facto assim é. Maria Belém destaca “A força do carácter” (será este o traço mais óbvio da candidata??), Sampaio da Nóvoa afirma-se com um entusiasmante “Um presidente capaz” (mais aborrecido é difícil), Marisa Matias recria o slogan de Sampaio de 1996 “Uma por todos” e Edgar Silva jura “afirmar os valores de Abril.

Enquanto isso, em Espanha, coletivos de artistas gráficos juntam-se espontaneamente as campanhas eleitorais para dar mais criatividade e originalidade, como aconteceu nas autárquicas deste ano, especialmente na independente Manuela Carmena, que apesar da sua avançada idade foi um foco de inspiração na comunicação política.

1432587922_450501_1432588543_album_normal

 

 

800

carater

 

Deixe aqui o seu comentário

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s