Os media do André

O André não vê qualquer problema que a televisão sirva  para distração maciça. Mas há limites que não abdica: não perde tempo com a Ana Rita Clara, a Teresa Guilherme e a Casa dos Segredos, nem com fotografias de mortes e acidentes quando fazem as primeiras páginas dos jornais. Quando Jorge Gabriel e  Catarina Furtado aparecem durante o zaping toma logo um compensan para a azia.

Segue militantemente as reportagens do Manuel Leiria e do Jacinto Duro, que considera os melhores representantes no jornalismo cultural da região, e as atualizações de notícias do Diário de Leiria no Facebook. Mas se for preciso ser crítico, não hesita.

Diz que com os concursos de talento, em especial o Masterchef,  e algumas séries  americanas, aprendeu mais sobre a natureza humana do que em todo o secundário, que aliás não terminou. Aos 27 anos trabalha  num café com vista para o rio Liz, e gosta do que faz, ainda por cima até poupa no ginásio. Diz que servir à mesa lhe garantiu o par de pernas mais musculado de Leiria.

Deixe aqui o seu comentário

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s